Casamento gay no Brasil: uma realidade.

No dia 5 de maio, o Brasil deu um grande passo em prol dos direitos das pessoas LGBT quando, por uninimidade, os juizes do STF reconheceram a união estável para casais do mesmo sexo. A partir desse dia, a União Estável deixa de ser somente a relacão de convivência entre um homem e uma mulher, [Leia Mais]

Frente pró-adoção. E nós?

Deparei-me semana passada com uma notícia que me deixou feliz até chegar ao seu final. Trata-se de uma frente pró-adoção que une PSDB, na imagem de Aécio e PT, na imagem de Lindbergh. Os senadores inauguraram no Congresso uma frente parlamentar a favor da adoção de crianças. Essa união deve-se a um convite do deputado [Leia Mais]

Sexo gay na Globo. Será?

Parece que a Globo vai ousar como a concorrente SBT e pensa em exibir cenas de beijos e sexo gay na novela “Insensato Coração”, escrita por Gilberto Braga e Ricardo Linhares. Na mensagem que recebi, as cenas já foram escritas, mas não irei afirmar que isso é verdade, pois a Internet é repleta de hoax. [Leia Mais]

Insensato armário

“Ser gay, no século XXI, não pode ser mais um grande drama. Sua mãe vai aceitar, ela tem uma cabeça legal, você não vai ter problema no trabalho. Se você for mesmo gay, cara, não tem por que ter medo de ser feliz”. Aí está uma frase que gostaria que saísse da ficção e entrasse [Leia mais]

Na onda da Dilma

Dilma afirmou que o Brasil não irá fazer “propaganda” de “opção” sexual em seus programas.

Como bons seguidores da filosofia presidencial, São José dos Campos quer proibir informações sobre diversidade sexual, provando que a homofobia está ficando mais forte no poder público.

A Câmara de Vereadores daquele município pretende aprovar um projeto de lei que “dispõe [Leia Mais]

Novas mudanças no PLC 122/2006

Os senadores Marta Suplicy (PT-SP), Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Demóstenes Torres (DEM-GO) reuniram-se no dia 31 de maio para discutir uma alternativa ao atual texto do PLC 122/2006, que criminaliza a homofobia.
Esse novo texto está sendo escrito e será divulgado após a aprovação dos senadores e do presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, [Leia Mais].