União gay na Califórnia liberada

Não consegui ficar muito tempo longe, principalmente depois de ler essa notícia. Apesar de não ter mais tão cedo a intenção de casar, visto que estou novamente solteira, vejo a revogação da Prop 8 como um grande avanço para o movimento estadounidense e espero que nossos políticos, legisladores e população em geral aprenda com as decisões tomadas por países como EUA, Argentina, Uruguai, Espanha, Portugal e pare de inspirar suas leis em leis como de países como Irã e Croácia.

Fonte: MOBI A Tarde

Um juiz federal norte-americano revogou nesta quarta-feira a proibição ao casamento entre pessoas do mesmo sexo no Estado da Califórnia. A decisão poderá terminar na Suprema Corte dos Estados Unidos, tribunal que pode definir se casais formados por pessoas do mesmo sexo têm o direito constitucional de se casar. O juiz federal Vaughn Walker emitiu sua sentença após uma demanda feita por dois casais gays, os quais afirmavam que a proibição aprovada pelos eleitores da Califórnia violava seus direitos constitucionais.

Apesar da decisão favorável, os casamentos gays só serão autorizados novamente na Califórnia quando forem resolvidas todas as apelações. Em novembro de 2008, os eleitores californianos votaram contra o casamento gay em referendo, cinco meses depois que a Suprema Corte estadual legalizou as uniões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário