Sonhando acordada





Sonho acordada
Seu sorriso, seu toque e lábios
Meu corpo sente sem te ver
Suas mãos - carícias
A noite chega
E aguardo, sozinha, na cama
Uma forma de mais uma vez
Te encontrar


Poeminha antigo que fiz pra minha amada. Mas como ela está fora fazendo um curso e amanhã vou vê-la, tem tudo a ver com a noite.

Contando as horas!

2 comentários:

Suellen Albuquerque disse...

Gostei do podema! *-*

Renata J. disse...

Engraçado se deparar com um poema desses quando a situação está totalmente ruim. Espero um dia poder escrever poemas assim novamente para essa mesma pessoa. Ou para outra, quem sabe. Que bom que tenha gostado, Suellen. Foi escrito com muito amor e admiração.

Postar um comentário